terça-feira, 23 de agosto de 2011

Já posso dirigir uma empilhadeira!

E isso é o que provavelmente aconteceria se me deixassem dirigir uma empilhadeira.

Mas agora acho que mesmo assim, dá pra arriscar, viu?


Fogos de artifício, por favor! Meu médico reduziu a minha medicação, uebaaaa!

Liguei de manhã cedo pra terapeuta, porque na semana passada trocamos a data da consulta e é claro que eu não lembrava se era uma troca temporária ou definitiva. E claro que era definitiva e eu, depois de passar mais uma noite em claro, fui lá à toa. Saí de lá pensando na minha cama quentinha, que eu deixei em casa.

Já que eu tava na rua mesmo, decidi ir na revendedora da Avon comprar um pó compacto, pra esconder as olheiras horríveis que agora fazem parte do meu look. Eis que no meio do caminho eu sinto um aperto no peito...

Assim não dá! Aí já chega! Mandei um e-mail pro médico e pedi o reajuste da medicação. Ainda bem que ele me atendeu, to doida pra deitar e...dormir. Simples assim.

Isso sem falar que menos medicamentos significam menos gastos! E isso deixa qualquer cristão feliz, né? Por que esses remédios são caros, viu, te contar! E eu tenho um trabalho igual o de todo mundo, daqueles que vc só se fode e ganha pouco, então há de se ter um pouco de compaixão.

Então é isso. Se o remédio der ziquizira, melhor falar com o médico, antes que você comece a ver e ouvir coisas. (Será, gente?)

Talvez você goste de...

Tags

ABDA (4) academia (2) acordar (1) adolescência (1) agressividade (2) álcool (1) alimentação (1) android (1) anjo da guarda (1) ano novo (1) ansiedade (5) antidepressivos (2) apertar dentes (1) aplicativos (2) arte (2) asperger (1) astrid (2) atrasos (1) autismo (1) autoboicote (1) autoconhecimento (1) autosabotagem (1) banho (1) bau (2) bebida (2) benfeitoria (1) benjamin franklin (1) bispo do rosário (1) blog (3) bruxismo (1) bula (1) bullet journal (1) bulletjournal (1) casa (1) causos (1) celular (2) cérebro (4) ciclotimia (1) cocaína (1) colônia Juliano Moreira (1) como eu me sinto quando (1) contato (1) cotidiano (22) cozinha (2) crianças (1) crianças cristal (1) crianças índigo (1) crise (1) dança (2) daniel radcliff (1) dda (1) dentes (1) depressão (3) desatento (3) dgt td (1) dica (1) direito (1) disforia (1) dispraxia (1) distmia (2) distração (3) divagar (1) divaldo franco (1) dívidas (1) dor (1) dorgas (1) drogas (1) efeitos colaterais (3) eleições 2014 (1) escola (1) espiritismo (4) esquecimento (5) estimulantes (1) estrutura externa (3) estudos (2) evernote (1) Exercício (1) exercícios (3) facebook (1) faculdade (1) festa duro (1) foco (1) forbes (1) fórum (1) gardenal (1) gerenciamento de tempo (4) gestor de tarefas (2) google (1) grupo de ajuda (1) gtasks (1) hallowell (2) Hariel (1) harry potter (1) hiperatividade (2) hiperativo (3) hiperfoco (1) Hospício Pedro II (1) impulsividade (1) infância (1) insensata (1) insônia (3) ioga (2) Joanna de Ângelis (1) jogos (1) kátia cega (1) leitura (1) link (2) listas (3) literatura (1) livro (9) loucura (1) lumosity (3) maconha (1) Maksoud (2) mandíbula (1) mau-humor (1) medicação (11) meditação (3) meme (6) memes (1) memória (1) metilfenidato (1) métodos (5) mitos (9) mostra (1) não está sendo fácil (1) neurofeedback (1) notícia (1) o ciclo da auto-sabotagem (1) organização (6) party hard (1) paulo mattos (2) pesquisa (1) Pinel (1) poesia (1) posts (1) Produtividade (1) psicologia (1) ranger dentes (1) reiki (1) relações sociais (2) relato (1) religião (3) resenha (2) rio de janeiro (1) ritalina (7) ritalina com bobagem (1) rivotril (1) rotina (2) russel barkley (1) São Paulo (2) saúde (2) Seminário (2) site (1) sono (2) stanford (1) tarefas (2) tasks. listas (1) tda (1) tdah (18) tdah adulto (7) tdah infantil (3) tendência (1) teorias (1) teste (2) trabalho (5) tv (1) viagem (1) viagra (1) vício (1) vida financeira (1) Vídeo (5) vídeos (1) vugnon (1) yoga (2)